Por incrível que parece, nesta manhã de Shabat por algumas horas os grupos terroristas ficaram sem disparar mísseis contra os vilarejos e as cidades no Estado de Israel.

Mas, como não poderia ser diferente, os bombardeios se re-iniciaram na segunda metade da manhã.

Segundo informações do porta-voz das Forças de Defesa de Israel, foram concluídas todas as preparações para uma operação militar por terra.

Ainda mais cedo, o General Chefe da Força Aéria de Israel, Amir Eshel, declarou aos meios de comunicação que a IDF não necessita necessariamente de invadir a Faixa de Gaza para destruir os arsenais e os túneis onde se escondem os líderes do Hamas, isto, segundo ele pode ser feito por ataque aério.

Porém, a maioria dos membros do gabinete superior das Forças de Defesa de Israel acredita que somente uma invasão por terra poderá relamente garantir o alcance dos objetivos da operação militar.

Nos últimos anos as Forças de Defesa de Israel adquiriram mísseis destruidores de bunkers que são capazes de descruir construções e túnels à uma profundidade de até 25 metros.

Para dar início à operação por terra as Forças de Defesa de Israel estão apenas aguardando sinal verde por parte do Peimeiro Ministro de Israel, Sr. Benajmin Netanyahu e do ministro de Defesa, Moshe Yaalon.

Fonte: cafetorah.com

Comments are closed.